27 outubro 2006

Salad - Drink me (1995)

Ora aqui esta uma das bandas mais sub-valorizadas de todos os tempos, e um dos meus albuns favoritos!

Os Salad tiveram uma carreira curta que passou praticamente ao lado da maioria, mas que me deixou marcas profundas.
(Fiz quetsão de comprar a edição limitada deste cd, e foi a minha aquisição mais cara no e-bay!!)

"Drink me" é o único album de originais que fizeram, é impressionante e intemporal. Mesmo passados estes anos todos, a musica deles ainda me dá arrepios.
O som dos Salad é assumidamente Pop, com variadas incursões pelo rock alternativo, e um cheirinho de psicadélico/melancolico.
Este é um daqueles albuns que se ouvem do inicio ao fim sem nunca sentir vontade de passar uma musica à frente.
A banda é composta por um quarteto com guitarra, baixo, bateria e teclas+voz, e é liderado pela sua vocalista Marijne Van Der Vlugt.
A voz da Marijne (ex-VJ da MTV para mal dos seus pecados) está confinada a algumas limitações tecnicas, mas assume o comando das musicas dando-lhes a base moral e melódica para a grandiosidade: Ela consegue ser alegre, melancolica, sensual, ou furiosa sempre que a ocasião o exige.

PS: Obrigado aos magnificos bloggers fundadores desta comunidade pelo convite, e pelas boas vindas!
Continuem com o bom trabalho!

1 comentários:

O Puto disse...

Gosto muito desse álbum. O tema de abertura é pop em estado puro e existem mais umas pérolas que não merecem ser esquecidas.
Recomendo também os primeiros EP's, que tenho (ou melhor, tinha) em vinil.